A chama da vida

A vida é efêmera. Ela não é uma dádiva, nem um presente, nem uma bênção, ou qualquer outra coisa que os religiosos teimam em doutrinar. Ela é uma chama. E está lá para ser queimada até seu fim. Quando é esse fim? Ninguém sabe.

Fotos-Índia-Tales-96-1000x750

Cabe a cada um que tem essa chama saber qual será o uso que se destinará seu fogo. Alguns a queimam de maneira simplória, outros destinam a sua chama grandiosas realizações.

A chama da vida tem uma intensidade. Para aumenta-la, duplica-la, é preciso combiná-la com outra chama. Ou adicionar combustível. A chama sozinha não aumenta, não queima mais ardentemente, nem é capaz de fazer um trabalho maior que o que ela suporta.

Para duplica-la é preciso soma-la a outra chama. A isso é dado o nome união. Essa união pode ter diversos significados. Alguns reúnem em torno de si diversas chamas e criam grandes acontecimentos. Não dissertarei sobre a natureza desses acontecimentos. Eles podem ser maravilhosos, como um importantíssimo visionário espalhando pelo mundo sua visão do melhor uso da chama da vida, ou pode ser um grande general inspirando exércitos.

Alguns somam sua chama com amigos. Grandes amigos. E inovam.

Tipos-de-Amigos-2

Alguns somam sua chama com parceiros. E da soma de suas chamas geram novas chamas.

Alguns acrescentam paixão. Um intenso combustível, capaz de fazer a chama arder infinitamente. Paixão pela arte, paixão pela conquista, paixão por outro ser.

Mas uma hora toda chama se apaga. Nada é imortal.

Porém é muito importante não deixar a chama ir se apagando, mesmo quando ainda há muita vela para queimar.

Mas acontece.

As vezes perde-se a paixão pela vida. Não se vê mais graça no amanhecer e no pôr do sol. Não consegue sonhar. São eternas noites escuras sentindo frio. Mas o frio vem de dentro.

agua-e-fogo-wallpaper-arte-digital

De uma escuridão que consome a chama, que abafa o fogo, que apaga a luz.

As vezes sente-se incapaz de produzir o fogo necessário para manter a vela acesa. As vezes é preciso que outras chamas entendam que aquela vela sozinha não consegue mais manter-se acesa. E então aqueles que se importam com aquela pequena chama que está se apagando doem parte de seu calor, de sua combustão, para que aquela velinha continue a viver.

Sem essa compreensão, sem essa empatia, aquela vela vai apagar antes do tempo. E só haverá o frio.

A vida é uma chama. Mas só é chamada de vida se estiver ardendo.

By: Eloh (pessoa maravilhosa, vocês deviam conhecer)

Revisão: Taís Nascimento

Pessoa linda que leu: você

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s