Saiba o que há por trás da Lola Cosmetics

Muita gente usa vários produtos da Lola Cosmetics. Eles são conhecidos por sua qualidade e principalmente por causa da identidade visual da marca. O que é identidade visual? É como o seu produto se apresenta, seja pela embalagem, como na linguagem usada com os consumidores, entre outros pontos. Já é conhecida a forma que a marca conversa com as suas “loletes” (as meninas que não só usam, como são fãs da marca). E nós, aqui da equipe, gostamos tanto dos produtos, como da “cara” da marca.

lola-693x351

Mas, quem está por trás de tantas ideias criativas? Além do time de marketing, uma das peças principais é a fundadora, Dione Vasconcellos, que começou tudo, junto com sua irmã, Jaqueline e o cunhado, Milton Taguchi.

dione_vale.jpg

Dione é formada em História, em uma universidade portuguesa, e trabalhou alguns (muitos) anos na Suíça e quando voltou, não sabia se queria dar aulas; decidiu assim montar um negócio de sabonetes artesanais. O empreendimento deu certo e com o dinheiro ganho, ela comprou a Farmativa, uma fábrica de cosméticos cheia de dívidas e começou a Lola Cosmetics.

A Lola começou com produtos para “no poo” e “low poo”, que eram novidade no Brasil, o pessoal da empresa queria oferecer opções para as crespas e cacheadas.

Lançamentos-da-lola-cosmetics-no-e-low-poo-2.png

Outra preocupação é que os produtos fossem “cruelty free” isso é produtos sem ingredientes de origem animal, ecocertificados e sem fazer testes em animais. Contudo, as embalagens não são tão verdes quanto a fundadora queria. Dione, que é vegana, quer diminuir as embalagens de plástico e começou a inserir algumas em vidro, como a Be(m)dita Ghee, uma manteiga vegetal que vem em uma caneca, e pode ser reutilizada. Segundo a dona da marca: “Estava tomando um mojito, tirei a foto e mandei para o nosso fabricante. A ideia é reaproveitar a embalagem depois para fazer um drink, beber água ou colocar uma flor”.

lola bem dita ghee

Agora vamos falar de mais uma coisa que chama muita atenção em toda a linha de produtos: as embalagens! A ideia sempre foi fazer algo diferente do que é visto nas perfumarias, sempre tudo preto, com detalhes prateados e dessa maneira que apareceram os rótulos e potes coloridos, alguns com uma pegada retrô. Tudo que vimos, vindo da Lola, passa pelas ideias de Dione, apesar da empresa ter uma equipe de marketing. Os nomes são baseados em brincadeiras e situações bem humoradas como as linhas “Meu cacho, minha vida”, “Morte Súbita” e a “Loira de Farmácia”. Na máscara “Umectação Oliva”, há uma oração, toda criada por Dione, que faz graça com as “artes capilares” que costumamos fazer (“Seja feito o tratamento à vontade/Assim em casa como no salão”).

morte súbita

Todas as modelos das campanhas, são baseadas em mulheres reais, sem idealização (sem aspas, porque elas existem mesmo)! As pin-ups são inspiradas em funcionárias, amigas e familiares. A “Rebelde com Causa”  é a filha de Dione. A moça vista no “Poderoso Cremão” é Renata, diretora de projetos. E na “Morte Súbita”, Fernanda, diretora de desenvolvimento.

Máscara Lola Rebelde com Causa.png

O que todos pensamos é: “Se a Lola tem essa comunicação tão divertida, por que não temos nada de maquiagem?” A questão é complexa: a campanha foi feita há dois anos, mas a linha não está nas prateleiras.

Um dos problemas era a falta de um fornecedor nacional que pudesse manter a mesma pegada divertida da Lola, porém parece que agora tudo entrou nos eixos e a linha entrará para o rol de produtos disponíveis em dezembro.

A “pin-up” dessa linha, que se chamará “Oh, Maria”, é Maria Clara, filha de uma amiga de Dione. Segundo a empresária, a Lola, dessa forma, se tornaria uma das primeiras marcas a usar uma modelo transgênero em uma campanha (a primeira foi a L´Oreal).

Oh, Maria Lola

Essa é uma das imagens da campanha!

O que também pode ter atrasado o “relançamento” foi uma polêmica envolvendo o demaquilante “Boa Noite, Cinderela” e o batom “Abusa de Mim”, ambos os nomes dos produtos foram considerados problemáticos pelas “loletes”. Após o episódio, a marca chamou a filósofa e ativista Djamila Ribeiro para escrever quinzenalmente em sua página no Facebook.

Com toda essa preocupação com empoderamento, é importante salientar que a empresa tem 80% de funcionárias mulheres.

Agora que você já sabe um pouquinho sobre a marca, dê sua opinião sobre qual seu produto preferido, ou sobre o que achou das curiosidades da marca.

By: Taís Nascimento

Pessoa linda que leu: Você

Anúncios

Resenha – Pomada ArtFix Haskell

Muitas vezes a gente tem cabelos lisos (sejam eles quimicamente tratados ou não) e fica presa à escova, chapinha e sem muito volume. Muitas vezes a gente quer muito mudar, mas não quer necessariamente passar pelo processo do babyliss ou modelador de cachos.

Dê uma olhada em como é meu cabelo depois de tanto ser alisado (sim, eu faço alisamento e sempre fico adiando a transição porque eu gosto do meu cabelo assim).

Artfix Haskell

E é aí que entra a Haskell com uma proposta interessante. Que tal ondas e volumão no cabelo sem precisar usar fonte de calor? Tudo isso com efeito matte  e sem pesar nos fios, além de fixação flexível, isso significa não deixar seu cabelo duro ou “grudado” como algumas pomadas ou fixadores! Na real, a principal ideia é modelar o seu cabelo como você quiser!

A Pomada Modeladora ArtFix promete tudo isso e vou te contar se ela entrega mesmo!

Recebi há alguns dias e para ter certeza do que viria entregar a vocês, testei várias vezes antes de contar sobre o produto.

Artfix Haskell

A princípio, quando pensamos em um produto que tem goma de tapioca na fórmula, pensamos que vai ser algo pegajoso ou grudento, mas não, a fórmula é super leve e nem parece uma pomada, lembra um creme, sem óleo, ou sem ser “grosso”. Eu já havia sentido a textura na Beauty Fair, quando conheci o espaço da Haskell e outros produtos bem legais da marca.

Da primeira vez que testei, não segui as instruções direitinho e achei que não ia funcionar no meu cabelo, já que rolou um volume, mas não alterou tanto assim a textura do meu cabelo.

Resolvi então que o melhor era fazer certo e umedecer o cabelo (no meu caso, só as pontas porque eu queria o efeito dessa forma). Depois que estiver com as madeixas úmidas, o negócio é ir amassando bem as mechas, até ficar com o formato que você quer. Uma das coisas interessantes que percebi foi, que quanto mais você amassa, mais volume fica no cabelo. É importante amassar, até ficar “seco”.

IMG_2533 (Editado)

Vocês têm problemas com cabelos que mudam de cor conforme a luz?

Como deu para perceber, a textura fica bem diferente onde foi aplicada a pomada, e tem volume. Talvez se eu tivesse usado no cabelo todo ou amassado mais, ficaria ainda mais volumoso.

Não precisa de muito produto para deixar o cabelo assim, mas é muito importante que você siga as instruções da embalagem direitinho, porque só assim rola o resultado esperado. E prepare-se para amassar loucamente, até quando você achar que está OK!

A duração e fixação é muito boa, no outro dia eu ainda tinha alguns cachos/ondas, mesmo depois de ter dormido com o cabelo solto. Não fica duro demais e não pesa em nada o cabelo (o meu é bem fino, apesar de não parecer). Você pode passar as mãos pelos cabelos o quanto quiser.

Essa pode ser uma boa dica para quando você não quiser ser lisa. Assim como funcionou para o meu cabelo alisado quimicamente, é bom também para as lisas naturais que querem variar o penteado.

Caso você já tenha usado, deixa aqui sua experiência!

Se quiser ver algumas resenhas também, comenta aqui, quem sabe a gente não testa?

By: Taís Nascimento

Pessoa linda que leu: Você

Sua sinceridade é sincera mesmo?

Ultimamente é bastante legal dizer que tem personalidade forte, ou que é super sincera e “fala mesmo, fala na cara”. Mas será que não tem gente se aproveitando do momento para ser maldoso, hipócrita etc?

Vamos começar com os preconceitos, que todo mundo diz que é só uma opinião.  A partir dessa premissa, junta um monte de gente despejando absurdos, falando as piores barbaridades sobre gays, negros, mulheres ou qualquer outro grupo, quando você aponta, te respondem que é uma opinião, vinda de toda sua sinceridade contundente.

sinceridade-honestidade.jpg

Outra coisa, é a famosa intromissão na vida alheia, algumas vezes bem junta do preconceito. Quem sofre com isso são as mães: parece que não importa o que aconteça, elas vão ser criticadas. Se ela tem um filho só: “Precisa ter outro, porque filho único costuma ser mimado”. Se são muitos: “Nossa, não são muitos”. Na criação também: “Ai, deixa seu filho comer isso” ou “Não deixa comer porque eu acho que faz mal”.

mãe-negra-1.jpg

Também é comum para os que se escondem atrás da capa de sinceridade, incomodar outras pessoas. A mesma pessoa que incomoda pessoas gordas, dizendo que “Não é bom para a sua saúde”, também destila sobre transtornos alimentares, chamando de frescura ou achando que é só mandar a pessoa comer. Mas, sempre dizendo que está se preocupando com a sua saúde.

Há os que te ofendem completamente e depois dizem que é apenas sua personalidade forte, ou são grosseiros sem necessidade, apenas para jogar suas frustrações e dizer que é assim mesmo. Ou que são maldosos e põem a culpa em alguns traços de sua personalidade.

personalidade forte

Todos esses exemplos não são para que se exclua pessoas sinceras ou que sejam mais incisivas, deve-se muito incentivar que as pessoas sejam cada vez mais abertas sobre seus sentimentos e as pessoas com esse tipo de força acabem sendo taxadas como inconvenientes. O grande problema são pessoas tóxicas, que se escondem em desculpas para atrapalhar, atazanar e dar suas opiniões e discurso de ódio  não solicitados. Ninguém pergunta e não adianta muito responder ou tentar desconstruir, quem age assim já está bem justificado em sua mente.

O que resta fazer, se for possível se afaste, a negatividade dessas pessoas se espalha em quem estiver perto.

By: Taís Nascimento

Pessoa linda que leu: Você

 

Maquiagem para heroínas

Muitas marcas fizeram linhas incríveis com personagens, a MAC fez com as vilãs da Disney, por exemplo:

villains.jpg

Mas nem sempre a gente está no pique de ser bela e maléfica, as vezes a gente quer usar nossa maquiagem com os heróis! Ainda mais se forem os Avengers!

Como isso? A marca coreana “The Face Shop” em colaboração com a Marvel fez uma linha inspirada em alguns personagens. Veja que legal!

avengers makeup 3.jpg

Essa foto foi só uma amostra do que seria a linha. Agora, saiu! E cheia de novidades, vem ver!

avengers makeup 2.jpg

Um dos principais lançamentos é a base cushion, algo que as coreanas amam. O que é essa base? É um tipo de produto consistente que é aplicado para uma esponjinha, para não ter desperdício. A cobertura é bem leve, para que você fique com aquela cara de “acordei assim”. O FPS é de 50 e com toda essa proteção, faz muito sentido que eles tenham usado o design do escudo do Capitão América.

The Face Shop Marvel Cushion

Outra novidade, são as paletas de sombra, uma com tons mais rosados e outra com alguns tons de marrom e de azul. Algumas são mattes e outras cintilantes.

avengers sombra

Prefere sombras unitárias? Não tem problema, a linha também tem algo pra você! São quatro cores cintilantes lindas.

avengers - sombra 2

Para os olhos também há lápis e rímel, sendo que o rímel vem com um pincel 2 em 1, para alcançar aqueles cílios menores. Qual o diferencial? Os delineadores e as máscaras vêm em quatro cores, cada uma representando um herói.

avengers delineador

marvel - rímel.jpg

Há ainda os produtos para os lábios. A diversão fica por conta do acabamento, se você, como eu, gosta mais dos mattes,  esses tons vão te agradar mais.

avengers- lipstick

marvel - homem aranha

A linha conta ainda com mais alguns tons metálicos.

marvel - batom - homem de ferrp

marvel - batom - homem de ferro 2

E não para por aí! Quer esmalte? Toma esmalte! Os tons são vendidos em duo, em caixinhas e cada uma representa um personagem.

MARVEL nailpolish

Por fim, há ainda uma linha masculina (não que a gente pense que os meninos não possam usar as outras coisas). Essa, consta com BB Cream com protetor solar, tônico facial, fluido hidratante, spray fixador à base de água e uma pomada (para manter os fios milimetricamente no lugar, ou bagunçar tudo).

The Face Shop Marvel Men

Gostou? Quer comprar, não é? A gente te ajuda também, a loja The Kolection K, que vende produtos de beleza, envia para terras brasileiras, é só clicar aqui. É bom lembrar que nós ainda não testamos como funciona a loja, mas vale a pena tentar se você quiser muito.

Se conseguir, diz pra gente como foi!

By: Taís Nascimento

Bissexuais são o que?

Segundo o Google:
Bissexual:
1. adjetivo de dois gêneros
relativo a, compatível com, ou que abrange ou reúne os dois sexos; ambisséxuo

2. adjetivo e substantivo de dois gêneros
bio que ou o que apresenta características de ambos os sexos (diz-se de indivíduo, espécime etc.).
Geralmente, usamos o adjetivo para falar sobre pessoas que se atraem por “homens e mulheres” (algumas pessoas se chamam pansexuais, pois se atraem por diversos gêneros – não existem só dois – mas isso é assunto para outro texto).

Orgulho bissexual

Essa é a bandeira do Orgulho Bissexual

Quando falamos em pessoas bi, um monte de ideias preconcebidas vêm à tona: “Bissexuais são pessoas indecisas”, “São pessoas promíscuas” ou “São malucas”, “Estão passando por uma fase”. A bissexualidade acaba sendo invisível à maioria das pessoas, já que por exemplo, quando uma pessoa bissexual está em um relacionamento com uma pessoa do sexo oposto, dizem que ela é hétero ou que ela está hétero e se é uma pessoa do mesmo sexo, dizem que ela é ou está homossexual. Dentro do próprio meio LGBT, há silenciamento, pois mesmo com toda a luta contra preconceitos, elas não são levadas a sério ou são discriminadas, sendo chamadas até mesmo de vetor de doenças.

PP_Lesbicas_Foto_Paulo_Pinto_06-06-2015_012

Com todas essas dificuldades e a marginalização em geral, algumas pessoas tendem a mentir sobre o histórico sexual e a evitar alguns exames. Segundo o Bisexual Resource Center, de Boston, pessoas bis tem maiores taxas de incidência de depressão, ansiedade, outros distúrbios de comportamento e uso de tabaco, comparadas com gays, lésbicas e heterossexuais. Além disso há maiores riscos de doenças cardíacas e câncer. Nessa matéria da Superinteressante há mais informações (clique aqui).

Caso você precise de provas científicas, o que não seria realmente necessário, há um estudo, comandado por Rosenthal, em 2011 que comprova a orientação através de estímulos eróticos, ainda que tenha sido feito apenas com homens, se você lê em inglês, pode saber mais nesse link.

Orgulho bissexual

Dia 23 de setembro é o dia do Orgulho Bi.

As pessoas costumam destilar suas ideias erradas, justificando com a fala de que não entendem como as pessoas podem se atrair por “homem e mulher”. Há que se lembrar que isso nem sempre acontece ao mesmo tempo (mas pode acontecer), e que se você acha que elas vão te trair ou enganar, isso é errado (traição é de cada um e não da orientação sexual da pessoa). E se você não namora alguém bissexual, o que isso interfere na sua vida?

david-bowie

Caso você tenha qualquer um desses pensamentos, veja se vale a pena mantê-los apenas para manter um egoísmo e dizer “que está se protegendo” , pois você apenas está sendo mais uma pessoa preconceituosa apenas porque não conhece ou não entende, ou não “aceita”. O importante é que você repense se vale a pena continuar sendo assim por algo que não interfere em sua vida ou porque você não quer ser trocado (a) por outro homem ou outra mulher (sendo essa última, uma ideia preconcebida absurda sobre qualquer bi).

Se você ainda tem qualquer dúvida, veja esse vídeo da linda Lorelay Fox explicando também sobre bissexualidade:

 

By: Taís Nascimento

Diário de Bordo – Beauty Fair

Dessa vez vamos falar de coisas um pouco diferentes por aqui! Fomos dar um rolê pela Beauty Fair, a maior feira de Beleza da América Latina!

Fomos para mostrar algumas novidades e enfrentamos muitas filas, acreditem…

Vamos do princípio!

As filas são enormes, tanto para blogueiras, quanto para as profissionais, ou para quem vai para passear e se você estiver já com a sua credencial e formar fila antes da entrada não é garantia alguma de que você vai entrar primeiro.

Estando lá dentro, tem ar condicionado (pelo menos, parece), mas é tanta correria e tanta andança que as chances de você ficar derretendo são grandes!

Primeira passada, stand da Ikesaki!

O lugar era enorme e tinha espaço até mesmo para outros expositores, como a Giuliana Flores com essas rosas belíssimas!

Beauty Fair

IMG_2265

Dentro do espaço digital da Ikesaki, separado como um trailer, outras marcas expuseram suas novidades!

IMG_2271

IMG_2275

Próxima parada, Catharine Hill, que lançou mais tons de sua base, abrangendo assim mais pessoas!

IMG_2281

Também tinham batons, matte, em diversos tons!

IMG_2285

A Salon Line, sempre muito carinhosa com todos que estão na luta pelo conteúdo,  a apresentação foi leve, em forma de vídeo e com as novidades, como a linha para os moços cacheados!

IMG_2303

E essas foram algumas das marcas que visitamos no primeiro dia. Parecem poucas, mas acredite, são várias filas e apresentações para que todo mundo fique dentro das últimas tendências, além disso, várias marcas tem o pessoal do marketing afiadinho para tirar qualquer dúvida que se possa ter. Além disso, para alguns espaços, como o da Ruby Rose, era necessário retirar senha um dia antes.

No segundo dia, veio o problema da entrada: apesar da fila formada, liberaram de uma forma desordenada, o que poderia causar diversos acidentes e confusões. Depois disso, fomos para o stand da Vult.

Stand da Vult: filas intermináveis e poucas senhas. Apenas por um lance de sorte, nossa equipe conseguiu uma senha, para o último horário. Algo que poderia ser revisto, é esse sistema de senhas e filas. Funciona: mas pode ser burlado facilmente, já que por volta das 11h, já não haviam mais senhas. Outra marca também deixou para avisar que não tinha mais senhas para visita ao espaço digital em cima da hora.

Depois foi a hora de conhecer a Zanphy, que lançou a coleção Pérola Negra.

IMG_2319

Eles tinham novas paletas de sombras, iluminadores e rímel. Aviso: parece que os iluminadores vão ser tendência da nova temporada. Prepare-se para brilhar muito!

Em seguida, passamos pelo stand do pessoal queridíssimo da Haskell! Decoração incrível, papo maravilhoso, que foi além da apresentação dos produtos e muitos produtinhos ótimos de cabelo, com pegada natural. Nem dava vontade de sair de lá!

IMG_2320

IMG_2321

IMG_2322

Voamos para o stand da Dailus, em que a decoração é sempre um show à parte! Os lançamentos desse ano eram o batom com efeito vinil e os produtos para retirar maquiagem.

IMG_2324.JPG

IMG_2328.JPG

IMG_2329

A Ruby Rose é queridinha das “influencers” e tem produtos legais! O espaço era bem concorrido e tinham algumas novidades como as paletas de sombra, iluminadores (eles de novo!) e batons que na mesma embalagem tinham versões líquidas e em bala.

 

IMG_2334.JPG

IMG_2333

IMG_2330

Por fim, a Vult! Cheia de novidades!Eles lançaram base, esmalte, batom com efeito diferente, lápis, balms para lábios!

IMG_2341

IMG_2343

IMG_2344

Também tivemos umas comprinhas, como um iluminador babadeiro e dois pigmentos da marca Mahav e que, se vocês quiserem, podemos fazer resenha por aqui.

Depois de uma maratona dessas, algumas coisas aprendemos:

Não importa se você é blogueiro, “influencer”, profissional ou quer conhecer as novidades, use roupas e sapatos confortáveis, se hidrate sempre que puder e evite comer por lá, é meio caro (assim como acontece nesse tipo de evento).

Se você, vai para algum espaço digital , não pense apenas no seu press kit, ou brinde, conheça a marca, veja os lançamentos e tente fazer um networking com eles, não apenas receba seu “mimo” e saia correndo. Também, por favor não brigue por causa de lugar na fila (isso acontece) e nem faça cara de “só isso” se achar que foi pouca coisa.

Mesmo assim, veja que no final sempre tem bastante coisa:

IMG_2350.JPG

Em alguns lugares, há pessoas que não serão educadas com você, tente não explodir! 😉

Na saída, você vai estar cansado (a) e fique atento na fila para esperar seu carro do app de carona, podem entrar nele se passando por você, ou o motorista pode achar que onde você vai não é vale a pena e cancelar sua corrida.

Nem precisamos dizer para ficar atenta aos seus pertences.

Por enquanto é este papo sobre esta feira gigantesca, em breve, teremos resenhas, conversas e mais feiras!

By: Equipe Menina Veneno Sabor Tequila

Revisão: Taís Nascimento

Mandalas pra todo mundo!

Mandalas são bem populares no mundo da tattoo, várias pessoas tem alguma.

Apesar de representar geometricamente a relação entre o ser humano e o cosmo e ser uma representação do retorno à unidade pela delimitação de um espaço sagrado e a atualização de um tempo divino, muita gente incorpora elementos mais pessoais e de outras religiões.

Mas, não pense que elas são específicas de religiões orientais, basílicas e catedrais da Igreja primitiva, trazem os desenhos, representando uma imagem ordenada do cosmos, do mundo.

Com tanta história e abertura para criar significados, é interessante ver como as pessoas incorporaram as mandalas em suas tattoos.

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

 

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Mandala

Viu como dá para criar muito em cima da mandala e dessas ideias que mostramos (até eu tenho a minha mandala)? Esperamos que vocês possas se inspirar e criar a sua também!

 

By: Taís Nascimento