Keep calm and become a magical girl

Ou “Fique calma e se torne uma garota mágica”. Magical girl? Do que é a que a gente está falando? Quem gosta de anime e mangá, já sabe!

Para quem não conhece, é um tipo de anime (ou mangá) em que a personagem principal é uma menina, que usa seus poderes para “lutar contra o mal”, também é chamado de mahou shoujo. E como nós aqui da equipe adoramos quem “luta uma garota”, pensamos em juntar a força das moças e as tattoos que amamos!

972882a5f6ff27d458a6e6e40f626e63

Já pensou em tatuar sua “garota mágica” preferida? Quem não conhece pode, quem sabe, se apaixonar por alguma e ter uma nova personagem preferida.

Selecionamos algumas tattoos e quem sabe você se inspire em alguma?

Sailor Moon – Ela vai punir você em nome da Lua! As meninas talvez sejam algumas das mais famosas e você já deve ter assistido algum episódio. Se não assistiu, deveria!

sailor moon

sailor moon 2.jpg

 

Guerreiras Mágicas de Rayearth – Sim! Elas também são garotas mágicas! Quem ainda se lembra desse anime que passava na TV aberta?

Guerreiras mágicas de rayearth 2

Guerreiras mágicas de rayearth

Sakura Card Captor – Quem não se lembra da garota que descobria ter poderes depois de libertar por acidente algumas cartas mágicas? Quem nunca quis ser igual à Sakura?

Sakura Card Captor

Sakura Card Captor 2

Sakura Card Captor 3.jpg

Sailor saturn.jpg

Puella Magi Madoka Mágica – Esse anime é bem mais novo, mas faz bastante sucesso! Geralmente o pessoal tem feito “símbolos” da animação, mas pode se inspirar no que você quiser! Está cheio de ideias legais por aí se esse for seu anime preferido!

Madoka Magica.jpg

Madoka Magica 2.jpg

A gente escolheu algumas garotas para que vocês fiquem com aquela vontade marota de tatuar. Faltaram muitas ideias, a gente sabe. Mas, em breve podemos fazer um novo post! Deixe sua sugestão de garota mágica!

By: Tais Nascimento

O limite sobre as crianças

Muitos devem ter acompanhado o caso da hamburgueria que colocou uma placa bastante polêmica sobre crianças em sua porta (que eu não vou citar o nome para não fazer “propaganda”) e foi questionada sobre essa suposta política por uma mãe (caso queira acompanhar ou rever o que aconteceu, clique aqui).

imagem-postada-pela-lanchonete-underdog-virou-polemica-na-web-1502385361616_615x470.png

Primeiro, quero deixar claro que não sou mãe e não sei quando e se pretendo sê-lo. Mas a questão é que o “não gostar de crianças” está sendo levado às últimas consequências. Você pode tranquilamente não ser apaixonado pelos pequenos, mas parece que, para se tornar “cool”, é necessário odiar e achar que todos devem ser trancados e separados do convívio com outras pessoas apenas por serem seres em formação. Esta última frase parece dramática ao ser lida, mas não é muito longe do que se vê em grupos “childfree” (livre de crianças).

Assistência-Social-promove-dia-especial-para-crianças-de-Garanhuns.jpg

Como já foi dito antes, crianças são seres em formação, estão aprendendo o que podem e o que não podem fazer e nem todo mundo precisa educá-las (isso cabe aos pais e se eles não estão fazendo seu trabalho direito, podemos discutir em outro texto). Permitindo que elas frequentem alguns lugares, elas aprenderão a se comportar e a viver em sociedade (coisa que muito adulto não sabe fazer também). Inclusive, se uma criança é  “mal-educada” ou “mal-comportada” isso diz muito mais sobre seus pais do que sobre ela mesma. Claro, que há lugares em que há uma classificação etária, ela deve ser respeitada e o estabelecimento deve deixar claro, com um aviso, não dizendo para amarrar uma criança ao poste.

O “odeio crianças” vem muito da falta de vontade de ter filhos que as pessoas têm e que é bastante discutida pelas mulheres, que é a maternidade compulsória. Temos de nos lembrar todos os dias que a maternidade não nos define como mulheres. Mas o que era para ser uma discussão sobre a sociedade cobrar das mulheres que elas tenham filhos, virou uma competição de quem afasta mais as crianças do convívio e é claro de quem as odeia mais.

odeio-crianças

Além disso, quando fazemos regras contra a infância, também excluímos mulheres de várias atividades, apenas por uma “birra” tão ou mais infantil do que os próprios “pimpolhos”. E não deveríamos ser os adultos da situação?

Para terminar, eu vou reescrever um pensamento aqui: você não precisa amar todas as crianças do mundo, mas precisa não fazer discurso de ódio e querer que elas sejam completamente excluídas dos lugares e fiquem trancadas até serem adultos.

By: Tais Deise do Nascimento

Tattoo Week SP 2017

Aconteceu nos dias 14, 15 e 16 de julho. O evento estava mais cheio de que nos anos anteriores, sendo o dia 16 o mais lotado, pois teve como uma de suas atrações principais, o show dos Racionais Mc’s, no qual, infelizmente, não conseguimos chegar nem perto do palco!

Tattoo Week 2017

Tattoo Week 2017

Tattoo Week 2017

O evento contou também com um leilão de shapes de skate pintados por tatuadores, exposições de carros e bikes low rider, convidados maravilhosos e um espaço exclusivo para deixar seu filho, com direito a vários brinquedos e pinturas faciais (o qual carinhosamente apelidamos de “depósito de crianças”).

Tattoo Week 2017

Tattoo Week 2017

 

Tattoo Week 2017

A parte de comes e bebes, contava com vários food trucks na área de alimentação e perto da entrada, o que diminuiu bastante as filas; e para as chaminés, o espaço de fumantes contou com venda de maços mais baratos do que o preço tabelado, bancos luminosos e um espaço muito maior!

 

textgram_1501980820.png

Tattoo Week 2017

Tattoo Week 2017

Contamos também com a presença do Coveiro Maldito, com várias lembrancinhas em seu stand, o Zombie Punk e o querido Henrique Fogaça do programa MasterChef no stand da MCD.

No desfile, tivemos as lindas: Larissa Pereira em terceiro lugar, Babi Avellar em segundo e em primeiro lugar, a professora e maravilhosa, Dafny Zanquetta, como a Miss Tattoo Week 2017. Porém, o desfile foi muito criticado pelos presentes por estar muito mais sexualizado que os anteriores, mas isso já é um papo pra outra matéria.

textgram_1501870653

Tattoo Week 2017

Tattoo Week 2017

E vocês, o que acharam? Comentem com a gente!

Tattoo Week 2017

textgram_1501980610.png

textgram_1501980661.png

textgram_1501980692.png

By: Fernanda Santos de Moraes

Revisão: Taís Nascimento

E quando tudo vai para outro lugar?

Muitas vezes a gente tem que voltar um pouco na vida, reavaliar um monte de coisas, ver onde a gente quer ir e depois disso tomar impulso.

Mudança na vida

É recomendável fazer algo assim de vez em quando, seja você parar, ou dar um passo atrás, mas geralmente você quer se planejar e ter certeza de que não vai se enrolar ou ter problemas durante esse tempo meio parado.

Mudanças na vida

Normalmente, a gente tem planos para a nossa vida e isso não é ruim, de jeito nenhum. Só que, em algumas vezes, tudo sai muito diferente do que se queria e seja lá qual o motivo (doença, gravidez não planejada, ou qualquer coisa que faça sua vida diferente), precisamos parar e/ou repensar aquilo que dávamos como certo pras nossas vidas.

Mudanças na vida

Apesar do desespero inicial, é preciso aceitar aquilo que vem e reprogramar suas ideias de acordo com sua nova situação. Diante disso você pode: mudar toda a sua vida e recomeçar tudo, ou continuar na sua rotina e fazer tudo aquilo que você não gostava de maneira diferente. Mesmo que não tenha escolhido, você tem o direito de tomar sua vida nas mãos e fazer o melhor para você.

Mudanças na vida

Sendo assim, se a sua “pausa na vida” não te dá outra opção a não ser redefinir o que vai acontecer, abrace a mudança, faça com que ela seja o mais leve possível e tente aprender ao máximo com tudo o que acontece e o que vai acontecer. Parece cansativo, mas não é impossível.

By: Tais Deise do Nascimento (Voltei!)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

20 anos de Harry Potter | 17 presentes mágicos para as loucas por ‘Harry Potter’

Para comemorar os 20 anos da saga, sugestões incríveis para as fãs do bruxinho.

OMG! Há exatos 20 anos, no dia 26 de junho de 1997, era publicado o primeiro volume de uma série que se tornaria uma das mais populares de todos os tempos. A saga de Harry Potter fez um sucesso estrondoso, marcou gerações e ainda faz a alegria de muitos “potterheads”.

Para comemorar a data, a gente separou algumas sugestões incrivelmente mágicas para presentear aquela amiga louca por “Harry Potter”! 

Pin "chapéu de bruxa"

Caneca Harry, Ron e Hermione

Almofada Harry

O Livro das Criaturas de Harry Potter

Marcadores de livro (Harry, Ron e Hermione)

Moletom "Lufa-Lufa"

Chapéu da Professora Minerva

Lápis com feitiços

Copo "Espresso Patronum"

Maleta com todos os livros

Anel Lufa-Lufa

Funko Dobby

Capinha para iPhone 6 Plus - Harry

Caneca Harry

Caneca Quadribol

Pin (Ford Anglia)

Caixinha de Música

Via MDeMulher

Tatuagens nas axilas são a nova tendência de arte no corpo

Não é sempre que vemos nossas próprias axilas ou mesmo as de outras pessoas. Elas aparecem quando passamos desodorante, tiramos os pelos (se for o caso) ou, vá lá, quando dançamos como se ninguém estivesse olhando. Pois isso já é o suficiente para a nova tendência de arte no corpo: as tatuagens nas axilas.

Como é verão no Hemisfério Norte, elas estão aparecendo pelas ruas e, é claro, no Instagram. Os desenhos são bem legais:
Resultado de imagem para tatuagem na axila
Resultado de imagem para tatuagem na axila
Imagem relacionada
Resultado de imagem para Armpit tattoo
É importante destacar que sim, tatuagens que chegam até as axilas – ou seja, começam no braço, nas costas ou no peito e são grandes o suficiente para passar por baixo dos braços – já existem faz tempo. O diferente agora é que são desenhos únicos, feitos exatamente nesta região, do tamanho certinho para ficarem ali.
Resultado de imagem para Armpit tattoo
Resultado de imagem para Armpit tattoo

Como acontece com tatuagens nas pernas, por exemplo, uma tatuagem na axila não impede que a região seja depilada com cera ou tenha os pelos tirados com lâmina de barbear. O desenho é feito e a vida segue normalmente.
Resultado de imagem para Armpit tattoo

E a pergunta que não cala, será que dói muito!?
Fonte: M.DeMulher

Quando o amor deixa MARCA DE VERDADE!

A cerca de uma semana, um boato vem tomando conta das comunidades de
tatuagem, sobre uma moça, Pasuda Reawcom da Tailândia, uma cicatriz terrível, muito se especulou sobre o procedimento utilizado para fazer a tatuagem, materiais, higiene, tatuador, cuidados enfim tudo!
Vou postar aqui abaixo as imagens que temos da tatuagem e remoção:
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e close-up

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e close-up

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

Nenhum texto alternativo automático disponível.

A imagem pode conter: comida

A imagem pode conter: comida

Nenhum texto alternativo automático disponível.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

Porém nossa amiga Priscila Coriolano perdeu uma noite de sono procurando
a realidade sobre aquela cicatriz, aqui segue o relato dela sobre o caso:
“Fui a fundo na historia e no insta dela descobri que o namorado dela
morreu, e como ela havia feito a tatuagem pra ele, ela decidiu remover
com ácidos em que o médico fez as aplicações, porém, o procedimento é
invasivo e fez com que a pele dela ficasse com aquela cicatriz.
É extremamente visível a dor dela, já que o insta funciona como diário.
Ela conta como é difícil não estar mais com ele e fala do processo de remoção.”
Aqui seguem alguns prints do insta da moça (estão em português do tradutor automático pois o original é Tailandês):

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

A imagem pode conter: 1 pessoa, sentado e texto

Nenhum texto alternativo automático disponível.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Muita gente julgando mesmo após o esclarecimento, dizendo que isso é um absurdo!
Porém quem somos nós para julgar a dor alheia? O que nos cabe é respeitar!